Por um possível amanhã

9QEVP5YHO3

Paulo,

Não sei se estou sendo muito corajosa ou muito medrosa, mas estou aqui, através desta carta para lhe dizer o que sinto.

Quando descobri sobre o seu término com a Clara fiquei feliz, feliz pois você estava de volta ao jogo que eu esperei muito tempo para ter a chance de jogar ao teu lado. Mas nunca imaginei o tamanho da dor que foi imposta a você sem ao menos ser permitida, nunca pensei que um homem poderia sentir, de tantas formas distintas, o que uma única mulher lhe proporcionou com tamanho desdenho e descaso. Paulo lhe peço desculpas por ter tido esse pensamento egoísta que estava apenas promovendo minhas vontades ocultas sobre você.

Quando realmente entendi tudo que havia acontecido, me senti culpada e descobri que o único e verdadeiro sentimento que tinha sobre você era de que eu queria te ver feliz a qualquer custo, mesmo que com outra pessoa. Eu queria ver seu sorriso refletir nos olhos daquela que lhe faria ter dias incríveis ao lado dela, mesmo que essa mulher de tamanha sorte não fosse eu. Assim, me desprendi de sentimentos egocêntricos e comecei a enxergar onde e como um homem singelamente incrível como você seria feliz, para que meus sonhos o direcionassem para lá.

Estou a cinco anos nesse trabalho interno de compreensão celestial sobre o que você se tornaria para mim em um futuro utópico. Minha conclusão?! Minha conclusão é essa carta, que escrevo para lhe entregar meus ensejos mais profundos e minhas verdades mais carinhosamente guardadas sobre você. Digo aqui, e provavelmente só aqui, que desde o dia que nos conhecemos você me deu motivos para me tornar uma pessoa melhor. E não por você, mas por mim. Quero lhe dizer que seus exemplos são minha força, suas palavras são minhas inspirações, sua honestidade é o mais encantador argumento de defesa de que o futuro existe para nós.

Quero me libertar das amarras que não me deixam ser plena com você, quero seu olhar honesto sobre meu rosto onde tudo seja calmo, pois não estarei reprimindo meus anseios. Sei que toda essa situação pode nunca mudar, mas também sei que você sempre me tratará de maneira exemplar, pois seu instinto protetor nunca deixará ninguém me machucar, nem mesmo seus demônios internos.

Para possíveis dúvidas, o único motivo de eu lhe dizer tudo isso é porque confio em você e acredito que o monstro forjado por dias ruins não devorou sua alma e você está ai dentro apenas esperando ser resgatado por um golpe do destino que acredite nisso.

Por um possível amanhã,

Anik.

____________________________________________________________________________

por Raphael Giovanni

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s